sábado, 31 de março de 2007

AS HORAS - Desde quando saiu naquela promoção do jornal eu queria ver este filme, mas a Ká sempre disse "é filme de mulher!"
O Pedrão, que trabalha comigo, me disse umas duas ou três vezes "meu, vai assistir este filme, porque vale a pena, é bom demais... a Karina vai gostar". mas ela sempre dizia: "é filme de mulher!"
Resultado: deixei de lado o tal filme...
Mas eis que ele surge em minhas mãos, e finalmente assito o tal "filme de mulher". A história é sobre 3 personagens que se interlaçam em histórias que se passam em diferentes épocas, 1920, 1950, e 2001... O filme é bom, os atores fazem até um bom trabalho, mas só uma frase me veio a mente... "saco, a Ká tinha razão, é mesmo um filme de mulher..."

Um comentário:

KAZINHA LACERDA disse...

eu avisei, eu avisei.
filmes com atrizes deslumbrantes q ficam feias só servem pra ganhar Oscar de melhor atriz.


as mulheres feias sofrem a vida toda. e qdo alguém faz um filme sobre elas escalam atrizes bonitas?

fala sério!

cd as atrizes feias?
affff